Amor que dói

Sobre o amor (amor que dói)

Não vou falar que nossa convivência sempre foi fácil. Nem que acho lindo tudo o que ele faz.
Por exemplo, quando ele inventa de pular atrás da estante da sala de estar e a TV de xx polegadas ameaça cair, não faço vozinha fingindo dar bronca. Dou bronca mesmo! E adianta? Claro que não.

Amor de gato é dolorido. Não é para todos,


Inclusive, as cagadas. Não passo mal na cabeça. Não falo "ai, que boinitinho!" quando ele me olho com aqueles olhões que parecem bolas de gudes verde-amarela. - nunca sei, mas acho lindo seus olhos, -


Na verdade, acho isso uma cegueira que arrebata a maioria em estado de amor é meio patético para quem vê de fora. Mas estamos falando sobre o amor e só quem sabe o que a gente sente é a gente, então, vamos seguir no texto!


(ainda sobre o amor) O amor perdoa
cachorro

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Contos de Fadas Africanos

Metamorfose

Encontro com Bernardo Milano